Pterígio é resultado de conjuntiva alterada

Pterígio é uma alteração na conjuntiva, geralmente no canto nasal dos olhos, que avança sobre a córnea, muito comum em países de clima tropical (exposição aos raios ultravioleta). Ele tem esse nome esquisito porque sua denominação vem do grego pteron (asa) como referência ao seu formato triangular.
Esse problema ocular normalmente cresce de forma lenta durante a vida e pode em alguns casos recobrir o eixo visual e interferir na visão. O pterígio tende a piorar quando existe exposição a poeira, vento, fumaça…
Pode haver incômodo por sua aparência (olhos sempre vermelhos) ou sintomas ligados ao desconforto ocular (ardência, sensação de areia ou de corpo estranho nos olhos, coceira). Em casos mais avançados, o seu crescimento sobre a córnea pode levar a alterações no grau dos óculos e causar embaçamento visual.
O tratamento depende do tamanho e quantidade dos sintomas. Pterígios pequenos e que não apresentam sintomas, a recomendação envolve usar de lubrificantes oculares e evitar a exposição a fatores como sol, vento e fumaça ajudam muito.
Se o pterígio é causa frequente de irritação, incômodo estético ou interferência na visão, pode ser removido cirurgicamente. A chance de recorrência do pterígio existe em todas as técnicas cirúrgicas.
A prevenção do pterígio, e de seu crescimento é importante: use óculos escuros com proteção à luz ultravioleta, mantenha os olhos lubrificados, evite a exposição a vento, poeira, fumaça, poluição…

Espero ter auxiliado.
Abraço!
Marcelo Creppe

Marcelo Creppe – Oftalmologista
CRM 82218-SP / RQE 41042 / CBO 104.343

Deixe uma resposta